Informação Pública-Água da Rede


Informação Pública-Água da Rede

 

Na sequência dos incêndios de 15 de Outubro, os terrenos ficaram saturados de material queimado e material orgânico, como ramos e folhagens.

 

Era expectável que, com a chegada do período das chuvas com mais intensidade, houvesse o arrastamento do material orgânico e ardido nos incêndios, ao longo das linhas de água e encostas, em direção aos rios.

 

Como consequência desta realidade, a Barragem das Cainhas foi afetada no seguimento da ocorrência da tempestade “Ana”, por um caudal de material orgânico e queimado, que se concentrou junto ao “paramento” da barragem, onde se efetua a captação de águas de abastecimento público a grande parte do Concelho.

 

No dia seguinte à tempestade “Ana”, identificado o problema, foram tomadas medidas corretivas, por forma a minimizar os efeitos na qualidade da água, nomeadamente aumento da periodicidade de lavagem dos filtros.

 

Perspetiva-se que este fenómeno se prolongue por um período de vários dias, até se conseguir estabilizar, permanecendo a água com tonalidade escura, mas com parâmetros de qualidade da água controlados, nomeadamente os microbiológicos.

 

Perante estes factos, recomenda-se à população em geral do Concelho, que evite beber água da rede e lavagem de roupas claras, podendo usar a água para banhos e cozinhados.


Partilhe:
--1--